fbpx

HypeCast #37 – Marketing de Inovação com  Alexandre Borin

por HyTrade

Por Ivan Monteiro

Neste trigésimo sétimo episódio, batemos um papo especial com Alexandre Borin, CEO da Prestus, sobre marketing de inovação

[wt_note align=”left” width=”100%”] O HypeCast é um talk show de rádio on-demand, mais conhecido como podcast. Ele é projetado para ajudar os profissionais de marketing e empresários ocupados a descobrirem as últimas tendências sobre marketing, tecnologia, empreendedorismo e negócios, através de entrevistas com os maiores especialistas do Brasil. [/wt_note]

Olá, seja muito bem-vindo à trigésima sétima edição do HypeCast! Neste episódio batemos um papo muito bacana com Alexandre Borin, CEO da Prestus,  sobre a sua carreira metórica e os serviços inovadores que a Prestus presta, sobre técnicas de telemarketing e secretaria virtual, inbound e outbound marketing, como melhorar os seus resultados comerciais, a produtividade do seu atendimento, o uso do Whatsapp e muito mais, confira!

Depois de atuar por 8 anos na Ericsson Telecomunicações, indo de trainee a diretor em menos de 2 anos, foi do acúmulo de responsabilidades que Alexandre Borin decidiu deixar o cargo para fundar a Prestus®, empresa inovadora que criou o serviço de Assistentes Virtuais, de atendimento remoto 24 horas. E em menos de 1 ano a Prestus® ganhou um Prêmio de Inovação, centenas de clientes e foi capa da revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios. Em 2014, a Prestus foi escolhida pela Endeavor para seu programa Promessas. Em 2016 atingiu a marca de 1000 endereços atendidos, em todo o Brasil!​

Borin é formado pela UNICAMP em Engenharia Elétrica (curso que iniciou no ITA, em 1995), pós-graduado em Marketing, MBA Executivo pelo IBMEC/Insper, e palestrante de temas como Inbound Marketing, Vendas Outbound, Gestão de Tempo, Técnicas de Apresentação e Negociação para empresários de diversos segmentos.

[wt_margin type=”10″]
[wt_h2 heading_style=”wt_heading_3″ align=”left”]O programa desta semana[/wt_h2]
[powerpress url=”http://media.blubrry.com/hytrade/content.blubrry.com/hytrade/HypeCast-37.mp3″]

[wt_margin type=”25″]
[wt_h2 heading_style=”wt_heading_3″ align=”left”]Assine no seu podcaster favorito[/wt_h2]

[wt_row]
[col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]
HypeCast_Android
[/col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]

[col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]
HypeCast_Stitcher
[/col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]

[col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]
Em breve no iTunes…
[/col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]
[/wt_row]

[wt_h2 heading_style=”wt_heading_3″ align=”left”]Confira um pequeno resumo do que foi falado[/wt_h2]

Alexandre começa revelando que abriu mão de morar no exterior para seguir sua carreira no Brasil. “Gente boa precisa ficar aqui, gerar empregos e riqueza. Gerar mais justiça social. Devemos fazer isso através do nosso negócio. (…) Sou daqueles empresários envolvidos mesmo, precisamos pegar o Brasil pelas mãos, deixá-lo do jeito que queremos morar para nós e nossos filhos”.

Quando questionado sobre o que o levou a empreender, Alexandre revela que partiu de uma necessidade. “A maioria das oportunidades dos empreendedores aparecem da necessidade. Eu era bem sucedido na Ericsson Telecomunicações, tinha muitos funcionários, porém era louco por ter alta produtividade. Toda vez que me via fazendo uma atividade em minha mesa que poderia ser realizada por outra pessoa, como uma secretária (que eu não tinha) eu pensava: ‘Meu salário é caro demais para o que eu estou fazendo’, então resolvi abrir uma empresa que não existia ainda, de secretárias”.

“Pensei em uma empresa de secretárias, que funcionaria por 24 horas, e que pudessem me assessorar remotamente por telefone e e-mail, topando aceitar tarefas delegadas. Três anos se passaram, continuei como diretor na Ericsson, até que precisei escolher. Temos de abrir mão das coisas. Abri mão da carreira executiva, que aprendi e valorizo muito”.

“Mas de fato, após acumular alguma experiência, todo mundo tem capacidade de tentar criar e construir grandes empresas que virão por aí. Cansei um pouco desse ambiente corporativo. Resolvi fazer algo bacana e o quanto antes para que os empreendedores do Brasil também possam ter acesso ao serviço”.

“Secretárias são cada vez mais raras nas empresas e, infelizmente, todos estamos com a síndrome do Google. Com a ideia que o buscador vai resolver tudo. Deixamos de ter a condição de delegar a tarefa para alguém. E por que não ter algum profissional para isso? Basta colocar na ponta do lápis o quanto esse suporte pode te deixar mais produtivo, mesmo para atender um telefone”. 

Alexandre explica que o serviço prestado pela Prestus é um negócio de secretárias compartilhadas em que as empresas que não possuem nenhuma, podem ter uma e empresas que já possuem, podem contratar secretárias em outras faixas de horários. “Atendemos em nome de mais de 400 empresas, assumindo até problemas reportados por clientes, 24 horas por dia. O conceito é ‘sua empresa atendendo quando não seria possível atender’. É como o Uber de secretárias, gerando mais vendas e mais fidelidade”.

Segundo Alexandre, o serviço é simples. Trata-se de quando a ligação para a empresa não é atendida, logo ela é transferida para a Prestus. Então é feito o primeiro atendimento, o acolhimento. “Não se trata de pegar mensagens, é bem diferente. É a primeira experiência que o cliente terá com a empresa, o que é muito importante e será aprofundado”.

Alexandre destaca que muitas empresas colocam diretamente o telefone que leva direto para o serviço da Prestus para esse atendimento, seguindo um roteiro. “O melhor vendedor não é aquele que fica esperando o telefone tocar”.

Sobre o sucesso da Prestus, o empresário explica que tudo que é inovador, tem mídia espontânea. “Fomos capa da revista Pequenas Empresas, Grandes Negócios e foi tudo espontâneo”, revela. Apesar disso, Alexandre pontua que nem sempre isso significa que as pessoas vão buscar o produto. “Você não tem demanda, é necessário formar a demanda. É necessário criar e propagar o conhecimento, mostrar para as empresas que é possível diminuir os custos e oferecer bom serviço”.

Alexandre explica que é vasto o tipo de empresas que contratam a Prestus como empresas de elevadores, tecnologia da informação, e-commerce, lojas físicas, clínicas de médicos, agência de advogados, entre várias outras. “Um dos grandes desafios das empresas é crescer. Hoje em dia, muitos consumidores são mal tratados, sendo que tudo o que ele quer é ser bem atendido”.

O empresário diz que o novo consumidor pesquisa, liga e quer saber como é o atendimento e a reputação da empresa antes de comprar. Por isso, o primeiro contato é crucial e a Prestus ajuda nesse sentido. “Além disso, para uma empresa, é importante ter a segurança jurídica, já que não é possível manter funcionários com atendimento 24 horas, o que uma secretária com atendimento compartilhado pode auxiliar”.

Quando questionado sobre estratégias que podem ser oferecidas em conjunto com os serviços da Prestus, Alexandre indica que é possível captar leads em momentos que muitas empresas não estão preparadas para receber contato de clientes, como no final de semana e, assim, perdendo oportunidades de negócios.

Outra oportunidade é investir em momentos de maior demanda de atendimento, incrementando secretárias para dias e horas estratégicas.

Sobre a tecnologia de Chatbots, Alexandre não vê como uma concorrência para a ideia da Prestus. “Sempre será necessário o humano, a ideia é que a inteligência artificial guie o cliente para esse atendimento pessoal”.

Dicas de boas práticas para um bom atendimento, segundo Alexandre Borin, CEO da Prestus:

Dar atendimento

“Essa é a principal regra. Muitas empresas se escondem nos sites e os clientes preferem usar o telefone para resolver questões no lugar de preencher formulários de contato, por exemplo”.

Gere cadastro do atendimento

“Daqui dois meses você poderá conversar com essa pessoa novamente. Muitas secretárias nem são treinadas para isso”.

Primeiro contato

“Quando ligamos para a empresa, estamos julgando-a. Nesse primeiro contato é importante garantir a melhor experiência. Caso necessário, incremente uma ajuda, terceirize, mas não deixe uma má impressão”.

[wt_divider_dotted margin_top=”20″ margin_bottom=”20″]

Semana que vem tem mais! Assine a nossa newsletter para receber os episódios diretamente no seu e-mail e não perder nenhum programa.

Participe com sugestões, críticas e notícias que você gostaria que nós analisássemos. Deixe um comentário abaixo ou nos envie um e-mail para hypecast@hytrade.com.br.

  • Participação especial no Jingle da HyTrade: Maca Reis, vocalista da Banda Grito

[wt_margin type=”25″]
[wt_h2 heading_style=”wt_heading_3″ align=”left”]Assine no seu podcaster favorito[/wt_h2]

[wt_row]
[col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]
HypeCast_Android
[/col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]

[col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]
HypeCast_Stitcher
[/col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]

[col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]
Em breve no iTunes…
[/col-lg-4 col-md-4 col-sm-4]
[/wt_row]

[wt_divider_dotted margin_top=”20″ margin_bottom=”20″]

Sobre o autor: Ivan Monteiro é Diretor de Conteúdo da HyTrade Marketing Digital.

 

Você também pode gostar desses artigos

Deixe um comentário

* Ao realizar este comentário você concorda com a nossa política de privacidade.