fbpx
HyTrade Inbound Marketing

No Brasil, moda e acessórios assumem a liderança no e-commerce varejista

por dionei

Compradores digitais no Brasil preferem roupas e utensílios

À medida que o Brasil se prepara para sediar a Copa do Mundo de futebol e os Jogos Olímpicos de verão, as viagens devem ter o seu maior crescimento nas vendas do e-commerce B2C (empresa-para-consumidor) do país. Mas, o e-commerce varejista também está mostrando fortes perspectivas de crescimento. O Brasil fechou 2012 com R$ 22,5 bilhões de vendas a varejo no e-commerce, de acordo com e eMarketer, e espera-se que ele registre R$ 25,84 bilhões em vendas neste ano, uma taxa de crescimento de 14,8%.

E-commerce Varejista I

No seu arredondamento da metade do ano do e-commerce varejista do Brasil, o e-bit, um provedor de dados líder de vendas de e-commerce registrou R$ 12,74 bilhões de vendas a varejo do e-commerce na primeira metade de 2013. Isto representa uma expansão de 24% sobre o mesmo período do ano anterior, e representa 49,2% da previsão do eMarketer para todo o ano.

Moda e acessórios lideraram em número de pedidos, deslocando utensílios domésticos, que lideraram a lista em 2012. Esta foi a culminação do crescimento da popularidade da categoria entre os compradores digitais no Brasil, no ano passado, motivado pela natureza de pequenos preços e facilidade de despacho destes itens. Como no ano anterior, os produtos de beleza e para saúde vieram em terceiro lugar, indicando também a força deste setor do e-commerce no mercado varejista brasileiro.

E-commerce Varejista II

A despeito da queda contínua das vendas de PCs no Brasil, conforme foi relatado pela International Data Corporation (IDC) em setembro, os computadores e eletrônicos associados permaneceram em quarto lugar entre as categorias de itens mais comprados online. Por outro lado, taxas desfavoráveis de câmbio tornaram mais caras as importações, contraindo as vendas dos computadores mais caros. Assim sendo, os consumidores, buscando soluções mais acessíveis, voltaram-se em grandes números para os tablets, ajudando a manter a categoria entre as cinco principais.

Finalizando a lista das principais categorias de produtos vendidos pelo e-commerce estão os livros e revistas, vendidos em formato impresso e eletrônico. Além de um forte mercado local de varejistas digitais de livros, em 2012 o Brasil viu a localização de grandes livrarias virtuais − Apple’s iBookstore, Google’s Play store e Amazon.com’s Kindle Store – oferecendo conteúdo em português e preços em moeda local.

Clique Aqui - Vendas Online

Fonte: eMarketer

Tradução e edição: Fernando B. T. Leite

Você também pode gostar desses artigos

Deixe um comentário

* Ao realizar este comentário você concorda com a nossa política de privacidade.