fbpx
HyTrade Inbound Marketing

Para os consumidores brasileiros, a qualidade do varejo é importante

por dionei

Os compradores darão mais informação para obter um melhor retorno!

A economia brasileira está crescendo rapidamente e a inclinação pela compra no varejo é forte, tanto online como off-line. O eMarketer estima que as vendas do comércio varejista no país alcançarão, neste ano, aproximadamente 22,52 bilhões de reais, responsáveis pela maioria do gasto no varejo digital na América Latina. E as vendas continuarão a crescer anualmente em mais de dois dígitos, durante 2014.

Qualidade ecommerce do Varejo I

À medida que os varejistas entram neste crescente mercado, os compradores no Brasil destacam-se por uma melhor qualidade atribuída à experiência varejista. O Oracle fez uma pesquisa com os usuários da internet em países selecionados em todo o mundo, em agosto último, e verificou que mais da metade dos que responderam no Brasil consideraram que este aspecto da compra “é muito importante”, enfatizando-o mais do que os consumidores de outros países. Comparativamente, o país com a segunda maior porcentagem foi a China, onde 28% dos usuários da internet disseram a mesma coisa.

Qualidade ecommerce do Varejo II

No Brasil, os usuários da internet também prezam personalização e serviço quando eles compram. Quase a metade dos que responderam disseram que uma experiência de compra personalizada foi muito importante para eles, enquanto que 65% deles enfatizaram a importância do serviço recebido ao comprar, incluindo a disponibilidade de estoque, o processo de pagamento e a interação com o vendedor.

Os consumidores brasileiros parecem gostar de ajudar os varejistas, à medida que o comércio luta para satisfazer as expectativas deles. De todos os países pesquisados, os brasileiros que responderam mostraram, de longe, a maior disposição para oferecer informação pessoal para os varejistas; sete de cada dez usuários da internet disseram que estavam totalmente abertos para fornecer dados pessoais, presumivelmente com a expectativa de que isto ajude a tornar a experiência de comprar ainda mais agradável.

Qualidade ecommerce do Varejo III

Embora o estudo não tenha feito a distinção entre comprar online e off-line, quanto mais compradores o fizerem online, maior será a probabilidade de que eles tragam consigo a expectativa de bons serviços. O padrão de compra online pode ou não depender fortemente do nível de investimento da empresa nos seus sites de e-commerce, tanto em desktops como em dispositivos móveis.

No Brasil, o eMarketer estima que dois de cada cinco usuários da internet comprará online em 2016.

Fonte: eMarketer

Tradução e edição: Fernando B. T. Leite

Você também pode gostar desses artigos

Deixe um comentário

* Ao realizar este comentário você concorda com a nossa política de privacidade.